Sexta, 19 de Julho de 2024
  • Sexta, 19 de Julho de 2024

Jaraguari investe na suinocultura com apoio do Governo do Estado e cooperativas

GOVMS / RTEIXEIRA


O cooperativismo é um grande parceiro do Governo do Estado na expansão da suinocultura. Prova disso é um projeto integrado de três cooperativas singulares a Coperdia, a Cooasgo e a Alfa em fazer a terminação de leitões para atender a ampliação de abates na indústria da Aurora, em São Gabriel do Oeste. A ideia é incentivar atividade em cidades como Jaraguari, Corguinho, Bandeirantes e futuramente em Terenos.

Na semana passada, dia 12, a equipe da secretaria-executiva da Semadesc (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação) esteve em Jaraguari conhecendo projetos da Coperdia.

Equipe da Semadesc visitou a Coperdia em Campo Grande

O grupo conheceu inicialmente a unidade da Coperdia em Campo Grande e depois foram até Jaraguari, onde a equipe esteve reunida com o prefeito do município, Edson Nogueira e visitou duas propriedades que vão fazer a terminação dos suínos e são associados da cooperativa.

Pela Semadesc participaram da visita o secretário-executivo de Desenvolvimento Econômico, Rogério Beretta; o coordenador de Pecuária, Marivaldo Miranda; o gestor do programa Leitão Vida, Rômulo Gouveia; e a engenheira agrônoma Karla Nadai, da Agricultura Familiar.

Pela Coperdia estiveram presentes o supervisor de suinocultura do MS da Coperdia, Rodrigo Rosa, e o gerente da filial, Anderson Roman.

De acordo com o coordenador Marivaldo Miranda, a as cooperativas entre elas, a Coperdia, estão trabalhando junto aos associados para investir na suinocultura e produzir os suínos para atender a Aurora que está expandindo a indústria em São Gabriel do Oeste.

Em Jaraguari, por exemplo, a Coperdia prevê a instalação de 31 granjas de terminação de suínos com mais de mil animais cada um e pelo menos cinco ciclos ao ano.

'Fomos conhecer os trâmites e ver como estão os projetos. Os produtores disseram das dificuldades que eles tinham com as estradas, mas na visita tivemos a felicidade de ver patrulhas da prefeitura, arrumando as estradas e fizemos questão de ir agradecer o prefeito por isso. Tivemos uma conversa com o prefeito do município para agradecer a melhoria das estradas que levam até algumas propriedades e debater os avanços da atividade na região', salientou Miranda.

O coordenador destacou que a expectativa é de que estes projetos dinamizem a economia na cidade. 'A atividade gera mão de obra, movimenta lojas de material de construção, além de vários fatores que ajudam no desenvolvimento da cidade', acrescentou.

Leitão Vida

O secretário-executivo de Desenvolvimento Econômico, Rogerio Beretta, lembrou que durante a visita foram destacados os programas de apoio ao setor como é o caso do subprograma Leitão Vida, que visa expandir a suinocultura de forma moderna.

'Fizemos mudanças e tornamos o programa ainda mais competitivo e com capacidade para atender aos mercados mais exigentes e, assim, participar, efetivamente, do processo de capitalização do setor. Pelo Leitão Vida premiamos a eficiência e a eficácia do suinocultor, com incentivo financeiro; bem como a produção de suínos para alimentação familiar e a geração de renda por meio da agroindústria', destacou ressaltando que também a adoção e práticas sustentáveis ajudam na pontuação do produtor e nos incentivos, como o reaproveitamento de resíduos, a produção de biogás, entre outros.

Rosana Siqueira, da Semadesc



Ao utilizar nossos serviços, você aceita a política de monitoramento de cookies.
Para mais informações, consulte nossa política de cookies.