Terça, 16 de Abril de 2024
  • Terça, 16 de Abril de 2024

Orientações, alongamento da perna e muita chuva: veja em vídeos como foi a volta de Tite à Libertadores pelo Flamengo

Campeão em 2012, treinador retorna à competição continental para dar continuidade na etapa 2 de sua primeira missão no Rubro-Negro

GLOBOESPORTE.COM / LETíCIA MARQUES


Algumas reações de Tite nos minutos finais de Millonarios x Flamengo

Tite foi contratado com a missão de classificar o Flamengo para a fase de grupos da Libertadores. À época, em outubro de 2023, o clube corria o risco de ficar fora da competição continental. Tite foi a solução, a meta foi cumprida e o treinador iniciou na última terça-feira a segunda etapa de sua primeira missão: a caminhada rumo à Glória Eterna.

Não bastasse viver a estreia na Libertadores pelo Flamengo, Tite carregou também o frio na barriga do retorno à competição após sete anos. Os longos períodos no comando da Seleção Brasileira fizeram com que o treinador não disputasse a competição continental desde 2016, quando estava no Corinthians.

Leia mais: + Tite nega que Flamengo tenha administrado vantagem com um a mais: "Seria covardia" + Atuações do Flamengo: Arrascaeta é o melhor, e Viña e Igor Jesus vão mal; dê suas notas

Essa é a nona Libertadores da carreia de Tite. O ge acompanhou de perto o retorno do treinador à competição que já foi campeão, em 2012 também com o Corinthians. A primeira experiência com o Flamengo foi um empate amargo com o Millonarios debaixo de muita chuva já nos minutos finais da partida no El Campín, em Bogotá, na Colômbia.

À beira do gramado, Tite exibiu a sua clássica pose: mão no queixo, testa franzida expressão séria para ver o jogo. De casaco preto e impermeável.

Duas palavras resumem o treinador em sua estreia na Libertadores pelo Flamengo: concentração e orientação. Quieto e observador, Tite ficou quase todo tempo sozinho na área da comissão técnica - diferente dos recentes jogos em que os auxiliares Matheus Bachi e Cléber Xavier eram figuras presentes para debate.

No El Campín, Matheus apareceu ao pé do ouvido do pai quase que exclusivamente nos lances de bolas paradas. O auxiliar tomou a frente para dar as instruções aos jogadores enquanto Tite observava e pontuava lances pontuais. Cléber, desta vez, ficou praticamente os 90 minutos na segunda cadeira do banco de reservas fazendo anotações.

Se César não levantava, Tite ia até ele para trocar rápidas palavras. Em muitas jogadas do Flamengo era possível ver o treinador dando o 'passo a passo' para os jogadores.

No primeiro tempo, em que o Flamengo sofreu muito pelo lado esquerdo, Viña e Cebolinha foram os que mais ouviam as recomendações do treinador, que também puxou Igor Jesus para conversar enquanto a bola rolava. No segundo tempo, as orientações foram mais coletivas.

A cena curiosa fica para o momento em que, enquanto Matheus dava as instruções, Tite sentou no banco de reservas e fez um rápido alongamento no pé direito. No fim de 2023, o treinador colocou uma prótese no joelho e, desde então, aproveita os momentos de descanso para se cuidar (veja no vídeo acima).

A hora do pênalti foi o momento em que Tite apareceu mais inquieto. Andando de um lado para o outro, o treinador se posicionou perto de sua comissão técnica e comemorou serrando os punhos, pouco antes de abraçar os companheiros.

Mais ao lado, os jogadores que estavam no banco de reservas comemoravam o gol de Pedro em uma rodinha. Tite correu até lá, comemorou rapidamente e pediu para os atletas se sentarem no banco e colocarem o colete - peça obrigatória para permanecer naquela área (veja no vídeo abaixo).

Depois do gol de empate, que aconteceu aos 35 minutos do segundo tempo, Tite começou a dar novas instruções através de muitos gestos direto da área técnica. O treinador, a todo momento, olhava para o telão que estava a sua esquerda para monitorar o tempo da partida.

Os últimos dois minutos foram com uma forte chuva. O treinador via o Flamengo tentar pressionar para conseguir o empate. Não deu. Ao apito final, Tite foi rapidamente ao banco de reservas falar com Matheus e Cléber. O último ato à beira do gramado foi o abraço no treinador do Millonarios, Alberto Gamero.

No domingo, treinador retorna para beira do gramado em jogo que vale o Carioca. A vitória por 3 a 0 em cima no Nova Iguaçu no primeiro jogo deixou o treinador muito perto de sua primeira conquista pelo Flamengo.

+ ✅Clique aqui para seguir o novo canal ge Flamengo no WhatsApp

🗞️ Leia mais notícias do Flamengo

🎧 Ouça o podcast ge Flamengo

Assista: tudo sobre o Flamengo no ge, na Globo e no sportv



Ao utilizar nossos serviços, você aceita a política de monitoramento de cookies.
Para mais informações, consulte nossa política de cookies.