Sexta, 19 de Julho de 2024
  • Sexta, 19 de Julho de 2024

Motociclista morre atropelado ao tentar ultrapassar caminhão na Vila Ipiranga em Campo Grande

Este é o terceiro acidente na Capital envolvendo morte de motociclista em dois dias

MIDIAMAX/LUCAS CAXITO


(Ana Laura Menegat, Jornal Midiamax)

Roberto da Silva dos Santos, 20 anos, morreu ao tentar ultrapassar um caminhão-caçamba no cruzamento das ruas Senador Filinto Muller com Francisco dos Anjos, na Vila Ipiranga, em Campo Grande, na tarde desta quarta-feira (10). 

Informações passadas ao Jornal Midiamax são de que os veículos trafegavam na Rua Filinto Muller, sentido Centro, quando o motociclista teria tentado ultrapassar o caminhão para acessar a Francisco dos Anjos. 

Porém, o motociclista não conseguiu realizar a ultrapassagem e teve a lateral da moto atingida pelo caminhão, momento em que acabou sendo atropelado. 

Devido ao atropelamento, o motociclista sofreu politraumatismo e TCE (Traumatismo Craniano Encefálico), morrendo no local. Uma equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionada para socorrê-lo, mas Roberto já estava morto quando os socorristas chegaram. 

Ainda de acordo com as informações repassadas no local, Roberto completou 20 anos há pouco mais de um mês, no dia 6 de junho. 

Equipe da PM (Polícia Militar) e da Defurv (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Furtos e Roubos de Veículos), da Polícia Civil, estão no local para a apuração do acidente. 

Aos condutores que trafegam pela região, a Rua Senador Filinto Muller está interditada até a Ine Nakamura devido ao acidente. Por isso, há registro de congestionamento de veículos.

Terceiro acidente com morte de motociclista em dois dias

Este é o terceiro acidente na Capital envolvendo morte de motociclista em dois dias. Na manhã de terça-feira (9), um motociclista, em alta velocidade, morreu após atingir um carro no cruzamento das ruas Rui Barbosa e Dolor Ferreira de Andrade.

Naquela manhã, o semáforo no cruzamento estava desligado desde as primeiras horas do dia, mas a perícia apontou que a motocicleta Honda Fan estava com velocidade acima do permitido na via e que o motociclista não observou que os semáforos estavam desligados. Além disso, a moto havia sido furtada no dia 13 de junho no bairro Universitário.

E na manhã desta quarta (10), o motociclista José Carlos Miquilino, de 43 anos, morreu ao bater na traseira de um caminhão na Avenida Guaicurus.

José seguia pela avenida, quando bateu na traseira do caminhão que estava parando para o motorista descarregar carga de argamassa em uma loja de materiais de construção. O motociclista estaria em alta velocidade, o que deve ser aferido pela perícia da Polícia Civil.



Ao utilizar nossos serviços, você aceita a política de monitoramento de cookies.
Para mais informações, consulte nossa política de cookies.