Terça, 16 de Abril de 2024
  • Terça, 16 de Abril de 2024

Presidente do Corinthians detona Vítor Pereira, agora no Flamengo: "Ele mentiu, fui enganado"

Duilio Monteiro Alves fala em traição do treinador português, que deixou o Timão para cuidar da sogra e acertou com rival: "Caráter das pessoas a gente não comanda"

GLOBOESPORTE.COM / ANA CANHEDO


Presidente do Corinthians, Duilio Monteiro critiva postura de Vítor Pereira: 'Mentiu'

Agora sob o comando de Fernando Lázaro, o Corinthians se reapresentou nesta quarta-feira após 30 dias de férias e iniciou os trabalhos visando a temporada de 2023.

Um dia depois de o Flamengo anunciar o português Vítor Pereira, o presidente Duilio Monteiro Alves foi aos microfones pela primeira vez para falar sobre o que considerou "uma traição".

– Ele mentiu, fui enganado – disse o dirigente.

Leia também: + Duilio admite que sonhava com Tite no Corinthians + Presidente explica por que desistiu de contratar auxiliar

Assim como fez nas entrevistas coletivas durante o ano de 2022, o técnico sempre disse internamente à diretoria do Corinthians que o seu impedimento para renovar era a situação familiar que envolvia a saúde da sogra e que, em suas palavras, lamentava muito por não poder ficar.

– O que foi colocado para nós foi colocado para os torcedores, eu lamento a frustração. Dedicaram carinho ao Vítor, mas ele mentiu. Tudo o que sabemos foi colocado a vocês, uma doença da sogra, ele preferiu sair por isso. O Corinthians é maior que tudo isso, vamos em frente. Temos condições para isso e elenco para seguir – falou o presidente.

Um mês após se referir ao técnico como um "irmão" numa nota de despedida, Duilio não escondeu o seu descontentamento com a forma como o treinador conduziu a sua saída para o Flamengo.

– Fizemos todos os esforços para que ele ficasse, oferecemos um contrato muito bom, um pouco melhor do que ele tinha. Deixamos claro que tinha carta branca para trabalhar, em 2022 trouxemos os reforços que ele quis, Rafael, Fausto, Yuri Alberto, Maycon, Junior Moraes, e que nesse ano o time ia se reforçar. Todas as condições foram oferecidas – destacou.

– Um cara que outro dia numa entrevista com Marco Bello (repórter da rádio Transamérica), chamou ele de mal educado. Não sei que educação é essa que ele tem, uma educação que não forma caráter. O Corinthians é muito maior que todos nós, o Corinthians segue sua vida como sempre seguiu. É passado. E caráter das pessoas a gente não comanda – afirmou.

O presidente fazia questão da permanência do técnico em seu último ano de gestão. Havia esperança interna de que a manutenção poderia render títulos, que não ocorrem desde o Paulistão de 2019.

Duilio disse que não falou mais com o treinador e negou qualquer rusga com o Flamengo:

– Não conversei e não converso mais com o Vítor, tenho nada para falar com ele. O Flamengo viu um profissional livre, que não seguiria, contrato se encerrando, e foi atrás. O Flamengo não tem nada a ver com a história. Um profissional que mentiu, tocou a vida dele. Não sei se já assinou, não cabe mais ao Corinthians e a mim falar sobre. Temos coisas muito boas a fazer nesse último ano de mandato.

+ Veja mais notícias do Corinthians

O presidente corintiano ainda foi questionado sobre o contrato ainda em vigor de Vítor Pereira com o Corinthians, até o fim deste ano, e se há alguma coisa pendente:

– Li manchetes esses dias que Corinthians ainda deve ao Vítor. Deve o mês que não venceu, Corinthians não atrasou nem uma hora o salário dele. Foi tudo pago corretamente. Nunca existiu atraso. Agora, é uma questão mais jurídica. Acredito que não há nada que possa ser feito. Alguém que passou por aqui e saiu pela porta dos fundos. Escolha dele. Se existir algo que possa proteger o Corinthians, será feito. De imediato, não há o que ser feito. Se tiver que pagar, vamos pagar. Se não precisar pagar, não vamos pagar.

Magoado com a postura do técnico português, Duilio Monteiro Alves voltou a questionar o caráter de Vítor Pereira:

– Do Vítor, não é questão de coisa pessoal. O cara enganou todo mundo. Torcida se apaixonou por ele, eu também sou torcedor. Fiz de tudo para que ele continuasse. Do nosso lado foi verdade, transparência, planejamento, condições de trabalho. Oferecemos tudo e mentiu. Achou melhor sair para cuidar da sogra e foi fazer outra coisa. Decepção com as pessoas. Não vou mudar meu jeito de ser, tenho muitos amigos. Tenho amigos na imprensa, como em todas as fases da vida. Passou, acreditamos e não era o que parecia ser. Escolheu esse caminho. Vamos em frente.

A sua opinião é importante para o Timão! Clique aqui, baixe o app e responda à pesquisa do Fiel Torcedor.

🎧 Ouça o podcast ge Corinthians🎧

+ Assista: tudo sobre o Corinthians na Globo, sportv e ge



Ao utilizar nossos serviços, você aceita a política de monitoramento de cookies.
Para mais informações, consulte nossa política de cookies.